12 jogadores que estão sem espaço na Europa e podem ser alvos do seu clube em janeiro

Jogadores sem espaço na Europa costumam ser um prato cheio para clubes brasileiros. Já planejando o ano que está prestes a começar, as equipes do Brasil veem na repatriação de atletas vindos do Velho Continente uma alternativa para dar maior peso aos elencos – e aqueles que não vêm recebendo muito espaço nos clubes europeus são os que têm situação menos complicada para serem liberados, mesmo que temporariamente.

Por isso, o GloboEsporte.com listou 12 jogadores que disputam campeonatos ao redor da Europa, mas não somam muitos jogos e minutos em campo na temporada 2018/19. Estes jogadores podem se tornar alvo dos clubes brasileiros em breve, uma vez que a janela de transferências do outro lado do Atlântico se abre no dia 1º de janeiro.

Veja a lista abaixo:

ITÁLIA

Felipe Vizeu (Udinese)

Vendido pelo Flamengo ainda no começo do ano, o atacante Felipe Vizeu chegou à Udinese no começo da temporada e não conseguiu conquistar seu espaço. O técnico David Nicola utilizou o centroavante de 21 anos em apenas quatro partidas do Campeonato Italiano, e Vizeu saiu do banco em todas elas.

  • 27 minutos em campo
  • 4 jogos na temporada (de 16 da Udinese)
  • Nenhum jogo como titular

Lyanco (Torino)

O zagueiro de 21 anos chegou ao Torino na temporada passada e teve sua trajetória atrapalhada por duas lesões graves. A última o deixou parado por mais de oito meses, e Lyanco voltou a jogar apenas no dia 6 de dezembro, quando foi titular em partida da Copa da Itália e atuou durante 90 minutos.

  • 90 minutos em campo
  • 1 jogo na temporada (de 17 do Torino)
  • 1 jogo como titular

Lyanco em ação pelo Torino — Foto: Getty Images

Lyanco em ação pelo Torino — Foto: Getty Images

Bremer (Torino)

Vendido pelo Atlético-MG no meio do ano, Bremer não conseguiu conquistar espaço no Torino na primeira metade da temporada. Depois de ser testado em jogo da Copa da Itália e na primeira rodada do Campeonato Italiano, o zagueiro de 21 anos ficou mais de três meses sem receber uma chance, voltando a atuar apenas no começo deste mês, quando foi escalado por Walter Mazzarri ao lado de Lyanco em jogo da Copa da Itália.

  • 123 minutos em campo
  • 3 jogos na temporada (de 17 do Torino)
  • 1 jogo como titular

Bremer só foi titular uma vez com o Torino na temporada — Foto: Getty Images

Bremer só foi titular uma vez com o Torino na temporada — Foto: Getty Images

Dalbert (Inter de Milão)

Em sua segunda temporada na Internazionale, Dalbert não vem gozando de muitos minutos na equipe de Luciano Spaletti. O lateral-esquerdo, de 25 anos, disputou apenas cinco partidas até agora na temporada 2018/19, sendo usado com peça de rodízio para dar descanso ao titular Kwadwo Asamoah, em partidas do Campeonato Italiano.

  • 339 minutos em campo
  • 5 jogos na temporada (de 21 da Inter de Milão)
  • 4 jogos como titular

Dalbert está em sua segunda temporada na Inter de Milão — Foto: Getty Images

Dalbert está em sua segunda temporada na Inter de Milão — Foto: Getty Images

FRANÇA

Fábio (Nantes)

Cria da base do Fluminense e ex-jogador do Manchester United, o lateral Fábio da Silva não vem somando muitos minutos no Nantes na atual temporada. Depois de passar as primeiras rodadas fora de ação, o jogador de 28 anos ganhou algumas oportunidades com a mudança de treinador no clube, mas só realizou oito partidas até o momento, sendo titular em seis delas.

  • 578 minutos em campo
  • 8 jogos na temporada (de 17 do Nantes)
  • 6 jogos como titular

Fabio da Silva ainda está buscando se consolidar no Nantes — Foto: AFP

Fabio da Silva ainda está buscando se consolidar no Nantes — Foto: AFP

Danilo Barbosa (Nice)

Após passar por Portugal, Espanha e Bélgica ainda muito jovem, o volante Danilo Barbosa, revelado pelo Vasco, também não consolidou-se como peça fundamental no Nice. O brasileiro de 22 anos começou a temporada como titular, mas sofreu uma lesão e foi perdendo espaço aos poucos. Nos últimos jogos, tem ficado no banco de reservas.

  • 525 minutos em campo
  • 8 jogos na temporada (de 17 do Nice)
  • 6 como titular

Danilo Barbosa tem ficado no banco nos últimos jogos do Nice — Foto: AFP

Danilo Barbosa tem ficado no banco nos últimos jogos do Nice — Foto: AFP

PORTUGAL

Jorge (Porto)

Emprestado pelo Monaco ao Porto no último dia da janela de transferências do meio do ano, Jorge teve uma primeira metade de temporada atípica em seu novo clube. O lateral de 22 anos não participou da pré-temporada e precisou fazer uma preparação física especial, além de realizar partidas com o time B do Porto. Desta forma, o ex-jogador do Flamengo só realizou três partidas oficiais em 2018/19 – nenhuma delas no Campeonato Português.

  • 152 minutos em campo
  • 3 jogos na temporada (de 23 do Porto)
  • 2 jogos como titular

Jorge disputou partida da Liga dos Campeões nesta semana — Foto: Reuters

Jorge disputou partida da Liga dos Campeões nesta semana — Foto: Reuters

Bruno César (Sporting)

O ex-jogador do Corinthians foi peça importante no Sporting nas últimas temporadas, mas perdeu espaço em 2018/19 e vem amargando a reserva na equipe lusa. Hoje alvo do Vasco, o meia de 30 anos só entrou em campo em quatro partidas e não foi titular em nenhuma delas.

  • 35 minutos em campo
  • 4 jogos na temporada (de 22 do Sporting)
  • Nenhum jogo como titular

Bruno César já é alvo do Vasco para 2019 — Foto: AFP

Bruno César já é alvo do Vasco para 2019 — Foto: AFP

Henrique Almeida (Belenenses)

Em sua primeira temporada no Belenenses, Henrique Almeida ainda não emplacou como titular da equipe portuguesa. A ex-joia das categorias de base da seleção brasileira vem sendo utilizado como opção ao longo dos jogos e realizou apenas três jogos desde o início, escalado pelo técnico Jorge Silas.

  • 377 minutos em campo
  • 9 jogos na temporada (em 17 do Belenenses)
  • 3 jogos como titular

RÚSSIA

Pedro Rocha (Spartak Moscou)

Após deixar o Grêmio ainda antes da conquista da Taça Libertadores, Pedro Rocha não encontrou no Spartak Moscou o espaço imaginado antes da milionária transferência. Apesar das altas cifras, o atacante de 24 anos só participou de três partidas na atual temporada e já foi alvo de clubes do Brasil na reta final do ano.

  • 159 minutos em campo
  • 3 jogos na temporada (em 28 do Spartak)
  • 2 jogos como titular

Pedro Rocha não vem recebendo oportunidades no Spartak Moscou — Foto: AFP

Pedro Rocha não vem recebendo oportunidades no Spartak Moscou — Foto: AFP

UCRÂNIA

Vitor Bueno (Dínamo de Kiev)

Contratado pelo Dínamo de Kiev no meio do ano, o meia-atacante de 24 anos mal conseguiu mostrar seu futebol na Ucrânia até o momento. O ex-santista não foi relacionado em diversos jogos da temporada 2018/19 e só disputou três partidas pela equipe, tendo sido titular uma única vez. Em suas redes sociais, deixou clara a ansiedade para voltar ao Brasil para descansar durante a pausa de inverno do Campeonato Ucraniano.

  • 83 minutos em campo
  • 3 jogos na temporada (em 30 do Dínamo)
  • 1 jogo como titular

Dentinho (Shakhtar Donetsk)

Dentinho está no Shakhtar Donetsk desde 2011 — Foto: AFP

No Shakhtar Donetsk desde 2011, Dentinho vem sendo apenas uma opção para o decorrer das partidas nas últimas temporadas. Em 2017/18, o ex-corintiano disputou 34 partidas,

mas só foi titular em oito delas – e esta tendência vem se repetindo em 2018/19, quando o brasileiro de 29 anos disputou nove partidas, mas só começou jogando duas vezes.

  • 178 minutos em campo
  • 9 jogos na temporada (em 26 do Shakhtar)
  • 2 jogos como titular

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: