34 dos 656 presos não retornam após saída temporária do Dia dos Pais

34 dos 656 detentos que tiveram direito ao “saidão” de Dia dos Pais não retornaram aos presídios maranhenses, segundo a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap).

A Justiça do Maranhão liberou neste ano 656 internos para que fossem celebrar o Dia dos Pais em casa, com os parentes. Os apenados foram beneficiados com seis dias de liberdade – foram liberados às 9h da manhã do último dia 7.

Os detentos tinham até às 18h dessa terça-feira (13) para se reapresentar para cumprimento do restante da pena.

Os agora considerados foragidos da justiça perdem o direito à regressão da pena e outras sanções estipuladas pela justiça.

 

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: