André Mendonça é aprovado em sabatina da CCJ do Senado

O ex-ministro da Justiça André Mendonça teve o seu nome aprovado em sabatina realizada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado da República, por 18 votos a 9, para a ocupação de vaga aberta no Supremo Tribunal Federal (STF).

A indicação foi feita pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no mês de julho deste ano.

Com a aprovação na CCJ, caberá agora ao Plenário do Senado decidir se o advogado será elevado ao posto de ministro da Suprema Corte do país.

A expectativa é de que a votação ocorra ainda nesta quarta-feira. Para ser aprovado, André Mendonça precisa de ao menos 41 votos favoráveis no plenário (maioria absoluta) na Casa. O Senado é constituído por 81 senadores.

Três deles são maranhenses: Eliziane Gama (Cidadania), que atuou como relatora e indicou a aprovação do nome do ex-ministro da Justiça; Roberto Rocha (sem partido), que deve acompanhar a CCJ e votar a favor de Mendonça; e Weverton Rocha, do PDT.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: