Ano fecha com quase 900 prisões realizadas na Região Metropolitana de São Luís

O ano de 2021 fecha com um total de 892 prisões realizadas pela Polícia Civil do Maranhão (PC-MA), na Região Metropolitana de São Luís. O número representa um aumento de 43,40% em relação ao mesmo período de 2020, quando foram efetivadas 622 prisões.

Ao todo, de acordo com a Polícia Civil, foram realizadas 366 prisões preventivas, 235 prisões em flagrante, 152 prisões condenatórias, 29 prisões temporárias e 2 prisões civis, além de 41 cumprimentos de Mandados de Prisão realizados pela Delegacia da Mulher e 67 Mandados cumpridos pela Delegacia de Polícia Interestadual (Polinter). Somente a Delegacia Especial de São José de Ribamar, superou a marca de 200 prisões na cidade Balneária.

Segundo o balanço da Polícia Civil, além do grande número de prisões, também foram registradas ao longo do ano a apreensão de 240 armas de fogo, as quais eram utilizadas por grupos criminosos para a prática de diversos crimes na Região Metropolitana da capital maranhense.

Trabalho investigativo

O Delegado Carlos Alessandro, titular da Superintendência Estadual de Investigação Criminal (Seic), o grande número de prisões é resultado de um intenso trabalho investigativo da polícia judiciária, que vem conseguindo desarticular diversos grupos criminosos que atuam na capital maranhense.

“Destacaram-se as operações de combate a facções criminosas praticantes de crimes patrimoniais, dentre roubo de veículos, residências, coletivos e comércios. Também houve um grande número de prisões de elementos acusados de crimes de homicídio e tráfico de drogas”, afirma o titular da Seic.

Ainda segundo o delegado Carlos Alessandro, o trabalho continuará sendo realizado ao longo de 2022 para que os resultados sejam cada vez mais otimizados.

Denúncias

A Polícia Civil disponibiliza o número de WhatsApp (98) 98418-5661 para denúncias, sendo garantido o total sigilo. As denúncias também podem ser feitas pelo disque denúncia, por meio do telefone (98) 3223-5800.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: