fbpx

Brasil Polícia Prisão

Após três horas, homem armado que fez reféns em ônibus no Rio se entrega

O criminoso armado que fez 17 reféns e efetuou disparos em um ônibus da Rodoviária do Rio, na tarde desta terça-feira (12), se entregou após três horas de negociação. Todos os passageiros foram liberados.

Entre os reféns, estavam crianças e idosos. Uma equipe do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), da Polícia Militar, foi acionada para a ocorrência. A área foi isolada, e um negociador foi até o local em uma tentativa de fazer contato com o sequestrador.

De acordo com a polícia, duas pessoas foram baleadas. Uma das vítimas levou três tiros e foi encaminhada para o Hospital Souza Aguiar. O homem, identificado como Bruno Lima de Costa Soares, foi atingido no tórax e no abdômen. Ele foi encaminhado à cirurgia e, segundo o hospital, corre risco de vida.

Relatos

Um dos passageiros relatou que o ônibus, que possui dois andares, tinha como destino Juiz de Fora (MG), mas foi rendido pelo criminoso. “A gente estava dentro do ônibus, mas ele quebrou, não chegou nem a sair, e como estava quente nós descemos. Do nada, um homem começou a atirar de dentro do ônibus e atingiu ele.”

Uma outra pessoa que foi ferida foi atendida inicialmente no posto médico da própria rodoviária, mas ainda não havia sido identificada. Um homem afirmou que viu o momento em que o criminoso sacou a arma.

“Eu estava na passarela quando o rapaz sacou a arma, começou a trocar tiros, baleou o rapaz e entrou no ônibus. Tenho dois amigos que estão dentro do ônibus. Todo mundo desesperado, a gente não sabe o que vai acontecer”, disse Carlos Saraiva. ( imirante )

 

 

 

 

 

 

Advertisements

Deixe uma resposta