Auditor Fiscal do Estado é preso cobrando propina

O Auditor Fiscal do Estado, Francisco Vaz Rego, 67 anos, foi preso na noite desta terça-feira (19), autuado pelo crime de Corrupção Passiva Majorada, previsto no artigo 317, §1º do Código Penal. A prisão em flagrante aconteceu após articulação das  polícias civil e militar da cidade de Araioses.

Segundo informações do delegado de Araioses, Dr. Raphael Reis, a polícia civil já tinha informação a respeito da prática do crime de corrupção passiva praticada pelos fiscais do Posto Fiscal do Povoado Pirangi, em Araioses, localizado na divisa entre os estados do Maranhão e Piauí.

Diante das informações, a Polícia Civil passou a investigar o caso e, em reunião com os policiais militares lotados no Povoado, foram passadas instruções para que ficassem atentos e de como deveriam agir diante desse tipo de crime.

Por volta das 19h30 de ontem (19), os policiais militares se depararam com uma situação de flagrante em que o Auditor Fiscal Francisco Vaz Rego recebeu vantagem ilícita, valor em dinheiro para deixar de fiscalizar um veículo.

A conduta foi confessada pelo autor e confirmada por diversas testemunhas, tendo, uma delas, afirmado que entregou dinheiro ao auditor por mais de cem vezes.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: