Bandidos que sequestraram motorista de aplicativo são presos no MA

Policiais militares da Guarnição de Serviços do bairro Bacuri foram informados que três elementos haviam sequestrado um veículo do aplicativo Uber, fato ocorrido na BR-010, próximo ao Conjunto Vitória. Segundo o taxista Caio Silva Bandeira, os três elementos colocaram uma arma de fogo, que depois foi identificada como um revólver calibre 32, em sua cabeça, e o mandaram seguir em frente.

Os policiais mandaram o motorista parar, mas como ele estava sob a mira da arma, continuou seguido em alta velocidade pela marginal direita da BR-010. Próximo à entrada que dá acesso ao bairro Morada do Sol, um dos bandidos pulou do Uber e empreendeu fuga por um matagal existente na área. Os dois seguiram com o motorista e tomaram o rumo do Jardim São Luís, onde os policiais fizeram disparos e o motorista parou.

Os dois bandidos, identificados por Natan Sousa Silva, 18 anos, e Marcos Vinicius Pereira Lisboa, 19 anos, foram presos. O motorista Caio Silva Bandeira nada sofreu. Segundo os próprios acusados, eles já tinham passagens pela polícia. Marcos Vinicius Pereira Lisboa é acusado de envolvimento em um homicídio.

Com Marcos Vinicius Pereira Lisboa, os policiais apreenderam um revólver calibre 32 com três estojos intactos e um celular. Antes de pegarem o Uber, os dois assaltaram uma barbearia, de onde roubaram celulares de clientes e dos próprios profissionais que estavam trabalhando. A polícia já levantou o nome do terceiro elemento que fugiu e já está em seu encalço. Os dois presos, juntamente com a arma de fogo, munições e demais objetos apreendidos, foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil de Imperatriz, onde foram feitos os procedimentos legais pela autoridade policial de plantão.

O Imparcial

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: