Barreirinhas mostra eficiência no combate à Covid-19

Comparando-se os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde, no dia 15 de junho, relativos ao total de pessoas contaminadas pelo coronavírus no Maranhão, verifica-se que Barreirinhas apresenta um ótimo desempenho no combate à Covid-19.

Entre os dez Municípios de seu porte – de 51 mil a 73 mil habitantes –, Barreirinhas é o que apresenta o menor índice de contaminação (0,33%). Para efeito de comparação, Zé Doca apresenta o pior índice (3,46%), dez vezes maior que o de Barreirinhas.

Entre treze Municípios vizinhos ou pertencentes à regional de Rosário, Barreirinhas ostenta o 3º lugar, ficando atrás apenas de Primeira Cruz e Santo Amaro, que têm populações quatro vezes menores (15 mil habitantes), tendo, portanto, menor densidade populacional e potencial de maior efetividade nas medidas de controle.

Considerando que Barreirinhas é um polo turístico importante e que sedia o Hospital Regional, atraindo, portanto, um grande fluxo de pessoas de muitos outros Municípios, o seu desempenho no combate à expansão da Covid-19 ganha ainda maior expressão.

Esse resultado deve-se, sem dúvida, a todas as medidas de prevenção tomadas pela prefeitura de Barreirinhas, através da sua Secretaria de Saúde e de vários órgãos e entidades parceiras, como a Vigilância Sanitária, o Corpo de Bombeiros, a PM, e, na ponta, o Hospital Regional de Barreirinhas.

Destaca-se, sobremodo, o papel fundamental exercido pelas equipes de Saúde e das duas UBS dedicadas em horário estendido e exclusivamente aos pacientes suspeitos de contaminação e contaminados, além da assistência e acompanhamento realizados aos pacientes da Covid-19 e suas famílias.

Além do trabalho constante e dedicado da Secretaria Municipal de Saúde e de suas equipes, as principais medidas de prevenção tomadas no seu devido tempo pela prefeitura de Barreirinhas foram: a campanha de vacinação contra a gripe H1N1, que atingiu mais de 90% do grupo de idosos (de maior risco para a contaminação do coronavírus), a instalação de barreira sanitária na entrada da cidade, a produção local e distribuição gratuita de máscaras, a desinfecção diária (em dois turnos) dos locais e vias de maior circulação e concentração na cidade, a campanha permanente pelo isolamento social e o fechamento de espaços e estabelecimentos não essenciais, seguindo as orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde) e os decretos editados pelo governo estadual.

As últimas ações da prefeitura de Barreirinhas no combate à Covid-19 foram: a aquisição de 3.000 testes e aplicação, por indicação médica nas UBS, aos pacientes suspeitos, entrega de 3.500 kits de tratamento (com azitromicina e hidroxicloroquina) para os pacientes confirmados atendidos nas UBS, e a aquisição e instalação de cinco túneis de desinfecção por ozônio nos principais pontos de fluxo de pessoas no centro da cidade (bancos), nas UBS dedicadas exclusivamente aos pacientes da Covid-19 (Murici e Riacho) e na entrada do Hospital Regional de Barreirinhas, como colaboração da prefeitura.

Para o efetivo combate à contaminação pelo novo coronavírus e à disseminação da Covid-19, a Secretaria de Saúde de Barreirinhas montou uma Central de Monitoramento, que funciona de domingo a domingo, para tirar dúvidas e monitorar os pacientes suspeitos e positivos, assim como também foi criado um serviço de acompanhamento psicológico via telefone para atender casos de ansiedade, medo e depressão, causados pela pandemia entre nós.

 

Zeca Soares

 

 

Acompanhe essas e outras notícias em Imaranhao.com. Siga, também o Imaranhao no TwitterInstagram e curta nossa página no Facebookse inscreva no nosso canal no Youtube. Entre em contato com nossa redação pelo WhatsApp ou ligue (98) 98400-0977.

 

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: