Bebê encontrado em caixa de papelão é levado para abrigo, depois de um mês

O processo de adoção no país nem sempre é simples e pode ser demorado. O resultado disso: no Maranhão, 51 crianças aguardam para serem adotadas e mais de 240 famílias interessadas permanecem na espera. Nessa lista pode entrar um bebê abandonado em uma caixa de papelão que agora encontra-se em um abrigo.

A autorização para que o bebê fosse encaminhado ao abrigo de acolhimento foi emitida pelo juiz José Américo Abreu. No local, que não pode ter o nome divulgado, 12 meninos e 15 meninas de até 8 anos vivem sob custódia da primeira Vara da Infância e Juventude de São Luís. O recém-nascido foi encontrado abandonado dentro de uma caixa de papelão nas proximidades do Estádio Castelão, no dia 6 de julho e ficou internado na Maternidade Marly Sarney até a quinta-feira (1°).

Até o momento nenhum familiar foi localizado, por isso o bebê deve ser inserido no cadastro para adoção.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: