Centro Municipal de Vacinação começa a funcionar a partir desta terça-feira (19)

O Centro Municipal de Vacinação inicia suas atividades nesta terça-feira (19), a partir de 14h. Segundo a prefeitura de São Luís, inicialmente vão ser vacinados os profissionais de saúde que atuam na linha de frente da pandemia (urgência, emergência, UTIs e setores Covid-19 nos hospitais).

O espaço do Multicenter Sebrae, situado no bairro Cohafuma, em São Luís, foi o local escolhido para abrigar o Centro Municipal de Vacinação contra a Covid-19 na capital maranhense.

Ainda de acordo com a prefeitura, os profissionais de saúde deverão dirigir-se ao Centro com documentos de identificação (registro no conselho, se aplicável) e declaração de atuação fornecida pela direção da unidade de saúde em que trabalha (modelos enviados previamente às unidades de Saúde).

São Luís recebeu 26.572 doses de vacina. E nesse primeiro momento teremos a capacidade de proteger mais de 13 mil pessoas. A prefeitura infmrou que a partir desta quata-feira (20), serão divulgados os próximos grupos de profissionais de Saúde que serão vacinados na primeira fase da campanha.

Etapas da vacinação

A primeira, com duração de sete semanas, terá início nesta quarta-feira (20) e será destinada a profissionais da saúde e pessoas acima de 60 anos em Instituições de Longa Permanência (ILPs). A população total estimada para esta primeira fase é de 37.060 pessoas.

Já a segunda etapa do plano de vacinação tem como público-alvo pessoas acima de 60 anos. Com sete semanas de duração, a fase prevê imunizar 79.383 pessoas em São Luís.

A terceira etapa da vacinação será destinada a pessoas que apresentam alguma comorbidade, diabetes mellitus, hipertensão, doença pulmonar obstrutiva crônica, doença renal, doenças cardiovasculares e cerebrovasculares, indivíduos transplantados de órgão sólido, anemia falciforme, câncer, obesidade grave (IMC≥40).

Nesta terceira fase, de acordo com o Plano Municipal de Vacinação, estão inclusos também trabalhadores da educação, pessoas com deficiência permanente severa, membros das forças de segurança e salvamento, funcionários do sistema de privação de liberdade, trabalhadores do transporte coletivo, transporte aéreo, transportadores rodoviários de carga, população privada de liberdade e pessoas com deficiência permanente e população em situação de rua. A meta, nesta fase, é imunizar 31.358 pessoas.

 

 

Acompanhe essas e outras notícias em Imaranhao.com

 Siga, também o Imaranhao no Twitter, Instagram

Curta nossa página no Facebook

Inscreva-se no nosso canal no Youtube

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: