fbpx

Guerra

Cineasta é morto por terroristas em Israel ao tentar proteger esposa e bebê recém-nascido

O ator e diretor Yahav Winner, de 36 anos, morreu tentando proteger sua esposa e sua filha recém-nascida depois que terroristas invadiram sua casa no kibutz Kfar Aza, perto da Faixa de Gaza. Shaylee Atary, que estava casada com ele há mais de 10 anos, e Shaya, o bebê, se salvaram, mas o diretor acabou sendo pego pelo Hamas.

— Ele não apenas bloqueou a janela do nosso quarto, mas também tentou trancar a porta da casa com o carrinho de Shaya para deter os terroristas. Ele não fugiu. Ele continuou tentando nos salvar. Esse era meu marido — disse Shaylee Atary ao site Deadline.

Yahav Winner e Shaylee Atary eram casados há 10 anos: 'Meu melhor amigo' — Foto: Reprodução / Instagram
Yahav Winner e Shaylee Atary eram casados há 10 anos: ‘Meu melhor amigo’ — Foto: Reprodução / Instagram

Atary e Shaya foram resgatadas depois de se esconderem por mais de 24 horas. Após três dias, Atary descobriu pela TV que o marido havia sido morto.

Winner ganhou o prêmio de melhor fotografia no Festival Internacional de Cinema de Estudantes de Tel Aviv deste ano com o curta-metragem “The boy”, que conta a história de pai e filho lidando com o lançamento de foguetes enquanto moravam em Kfar Aza. Ele estava trabalhando em um novo filme inspirado na vida em Kfar Aza, para onde havia voltado após anos morando em Tel Aviv

“Ele é um grande cineasta. Era meu melhor amigo”, disse Atary à PBS. “Estávamos juntos há 10 anos e meio. E esperamos muito tempo por essa criança que temos agora”, afirmou Atary.

Segundo agências de notícias internacionais, o Hamas promoveu um verdadeiro massacre no Kfar Aza, vitimando “centenas de pessoas”, famílias inteiras, incluindo crianças e bebês, dentro de suas casas. O atentado aconteceu no dia 7 de outubro.

Advertisements

Deixe uma resposta