Coluna do Bruno S Oliveira: 5 Filmes que você precisa ver “urgentemente” antes de Morrer

O cinema é a forma de expressão artística mais completa e complexa que existe, pois, envolve nos seus aspectos música, fotografia, iluminação, diálogos, esquemas de cores, etc. tudo isso para o cineasta consiga transmitir a sua mensagem da maneira mais subjetiva possível, assim, estimulando o espectador e refletir sobre o conceito apresentado na sua obra. Fazer um bom filme vai muito além de conhecer os termos e técnicas que envolvem a 7a arte, O bom cineasta sabe quais “peças” usar, quais descartar, e mais importante, como usá-las. Sabendo disso: São poucos o cineasta que conseguem com primazia utilizar os termos e técnicas do cinema para contar uma boa história. Sei que pode parecer pretensão minha colocar apenas 5 filmes nessa lista, a final de contas, desde que os irmãos Lumière filmaram A saída dos operários da fábrica (1895). Muitas boas histórias foram contadas nesses 125 anos de cinema. Mas meu intuito aqui é tentar introduzir o leitor desta matéria nesse mundo mágico que é o cinema e 5 filmes para começar são mais que suficientes.

 

  1. Viagem á lua (1902).

Título Original: Le Voyage Dans La Lune

Ano de Lançamento: 1902

Gênero: Ficção cientifica/Fantasia

Direção: Georges Méliès

Sinopse: O professor Barbenfouillis (Georges Méliès) convence seus colegas a participarem de uma viagem de exploração à Lua. Eles partem em uma nave que aterrissa no olho direito da Lua. Lá eles encontram habitantes hostis que o levam ao seu rei. Os terráqueos conseguem fugir quando descobrem que os inimigos viram fumaça a um simples toque de um guarda-chuva.

Viagem à Lua - Filme 1902 - AdoroCinema

Disponível em: <https://br.pinterest.com/pin/515521488578560721/>

Opinião: Os irmão Lumiére podem ter criado o cinema, mas George Méliès, sem dúvidas, o inovou. Filmado de forma teatral com a câmera parada, cenários desmontáveis e atores que fazem mais de um papel Viagem à lua (considerado o primeiro filme de ficção cientifica da história) não está nem um pouco preocupado com verossimilhanças cientificas, aqui o fantasioso toma conta com alienígenas que parecem uma civilização primitiva e cientistas que mais parecem bruxos. Esse foi um dos primeiros filmes a mostrar que o cinema não precisa ser uma mera representação da realidade, mas que o cineasta pode usar a imaginação para contar histórias fantásticas.

CENAS MARCANTES:

Miguel Neta - Viagem à Lua - Análise informal

Indo a lua em uma bala de Canhão: Um grupo de cientistas, que mais parecem bruxos estão pensando em uma forma de ir á lua. Então surge a ideia de ir  em uma bala de canhão.

Disponível em: <http://www.miguelneta.pt/atividades/viagem-a-lua-analise-informal>

 

_____________________________________________________________________________

 

  1. O Exorcista (1974).

Título Original: The Exorcist

Ano de lançamento: 1974

Gênero: Horror

Diretor: William Friedkin

Sinopse: Em Georgetown, Washington, uma atriz vai gradativamente tomando consciência que a sua filha de doze anos está tendo um comportamento completamente assustador. Deste modo, ela pede ajuda a um padre, que também um psiquiatra, e este chega a conclusão de que a garota está possuída pelo demônio. Ele solicita então a ajuda de um segundo sacerdote, especialista em exorcismo, para tentar livrar a menina desta terrível possessão.

                                        O Exorcista – Wikipédia, a enciclopédia livre

Disponível em: < https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1185913862-cartaz-poster-decoraco-o-exorcista-filme-pintura-digital-_JM>.

              Opinião: Assustador, aterrorizante e agonizante. O exorcista é tudo isso é muito mais. O longa propõe uma experiência tão sufocante e incomoda quanto entrar em um ônibus lotado ao meio dia. Baseado no Livro de William Peter Blatty ( que também assina o roteiro do filme) o exorcista é uma obra prima irretocável do cinema, pois não investe em sustos atoa jogados ao público, mas procura investir na construção do enredo que nunca é suficientemente claro a respeito do que está sendo trabalhado em tela. Aqui a dúvida predomina “Será que a Regan (Linda Blair) está realmente está possuída ou tudo não passa de uma ilusão criada pela garota?” – essa pergunta se mantem o filme inteiro e isso faz o espectador acompanhar a história até o fim.

 

CENAS MARCANTES:

 

ESTÁTUA DO PAZUZU: O padra Lankester Merrin (Max Von Sydow) está em uma expedição arqueológica no oriente médio para encontrar artefatos religiosos antigos, em uma dessas expedições ele encontra a estátua do demônio Pazuzu. A cena é perturbadora e a tensão e reforçada pela trilha sonora.Pazuzu la deidad sumeria - Ciencia y educación en Taringa!

Disponivel em: <https://www.megacurioso.com.br/misterios/104200-o-que-voce-sabe-sobre-pazuzu-o-demonio-aterrorizante-de-o-exorcista.htm>

                                                                                         

DESCENDO AS ESCADAS: Após receber o detetive William Kiderman (Lee J. Cobb), Chris MacNeil (Ellen Burstyn), a mãe de Regan,  vê agarota descendo as escadas de em uma posição de “ponte” essa cena tinha tudo para dar errado, mas da muito por conta de ser muito bem dirigida por William Friedkin que coloca a dublê para descer as escadas de forma frenética e focas nos gritos de desespero da mãe.

Série O Exorcista recria cena icônica do filme - Medologia

Disponível em: <https://cinemaedebate.com/2009/10/15/o-exorcista-1973/>

 

ECA! VOMITO VERDE:  Quando o Padre Damien Karras (Jason Miller) está no quarto de Regan (Linda Blayr) interrogando o demônio sem saber da verdade ela a sendo surpreendido por um jato de vomito verde que saí da garota.

Eca! As cenas mais grotescas de vômitos em filmes - BOL Fotos ...

Disponível: <https://noticias.bol.uol.com.br/fotos/entretenimento/2017/10/22/veja-as-cenas-mais-grotescas-de-vomitos-em-filmes.htm>

 

  1. 2001: Uma odisseia no espaço (1968).

Título original: 2001: A space odyssey

Ano de lançamento: 1968

Gênero: Ficção Cientifica

Direção: Stanley Kubrick

Sinopse: Desde a “Aurora do Homem” (a pré-história), um misterioso monolito negro parece emitir sinais de outra civilização interferindo no nosso planeta. Quatro milhões de anos depois, no século XXI, uma equipe de astronautas liderados pelo experiente David Bowman (Keir Dullea) e Frank Poole (Gary Lockwood) é enviada à Júpiter para investigar o enigmático monolito na nave Discovery, totalmente controlada pelo computador HAL 9000. Entretanto, no meio da viagem HAL entra em pane e tenta assumir o controle da nave, eliminando um a um os tripulantes.

2001 – Uma Odisseia no Espaço (1968) | Boca do Inferno

Disponível: <https://noticias.bol.uol.com.br/fotos/entretenimento/2017/10/22/veja-as-cenas-mais-grotescas-de-vomitos-em-filmes.htm>.

 

Opinião: Desde seu lançamento em 1968 (um ano antes do homem chegar a lua), 2001: Uma odisseia no espaço, para algumas pessoas é uma incógnita, pois não se sabe ao certo o que o diretor Stanley Kubrick quis dizer com essa obra prima: uma crítica à corrida tecno-Armamentista vivida no período da guerra fria? ou simplesmente uma ficção cientifica muito complexa?, não se sabe, mas a graça do filme está em justamente em não se saber o sentido, pois o espectador pode especular, teorizar, fomentar e conspirar a respeito do  que quiser o filme é o que você entende dele. Inovador em questão de efeitos especiais o filme impressiona com espetáculo visual colorido e vivo. Para algumas pessoas o filme pode parecer lento, mas não o longa de quase 3h:00m trabalha em seu tempo.

 

 

CENAS MARCANTES:

MONOLÍTO: O filme começa na pré-história com os descendentes da humanidade vivendo pacificamente em comunidade até a chegada de um estranho artefato alienígena (monólito) que acaba por alterar o comportamento dos primatas. O objeto parece deixar os macacos mais inteligentes, porém mais violentos.Daisy, Dais, Dai… – Jornal da USP

Disponível em: <https://www.hypeness.com.br/2018/04/2001-uma-odisseia-no-espaco-previu-50-anos-antes-nossos-gadgets-e-o-nosso-desamparo/>

 

O CORTE QUE NOS DIZ MUITO: Em uma cena onde um primata joga um osso para cima a cena corta para uma nave espacial no ano de 2001. Essa cena mostra a evolução da humanidade desde a pré-história até os dias de hoje.2001: A Space Odyssey – Wikipédia, a enciclopédia livre

Disponível em: <https://www.avmakers.com.br/blog/a-importancia-da-transicao/

 

  1. Apertem os cintos o piloto sumiu (1980)

Titulo original: Airplane

Lançamento: 1980

Gênero: Comédia

Direção: David Zucker, Jim Abrahams, Jerry Zucker

Sinopse: Ted Striker, um ex-piloto que tem medo de voar, se vê sobrecarregado com a responsabilidade de pousar um avião com segurança quando a maioria da tripulação e passageiros adoece devido a intoxicação alimentar.

 

Apertem os Cintos... O Piloto Sumiu - Filme 1980 - AdoroCinema

Disponível em: <https://encrypted-tbn2.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSrN9CYkA_7a9epVjjVVduL7cdf77y6Y-7wUmO6x2mWkM8t0liK>

 

Opinião: Sem noção e divertido. Faltaram adjetivos para descrever Apertem os cintos o piloto sumiu, com um humor deliciosamente idiota o filme não está nem um pouco preocupado com fazer alguma crítica social ou fazer o espectador refletir sobre sua existência ou sobre conceitos morais tomados pela sociedade, Não!.  Um dos diretores do filme David Zucker disse que seu único objetivo era contar o maior número de piadas possível no seu filme utilizando-se de quaisquer recursos que tinha a sua disposição como, humor físico, no sense e falado e por essa sinceridade que o filme é uma das melhores comédias da história, pois se propões somente a fazer o espectador rir.

 

CENAS MAIS ENGRAÇADAS

FIQUE CALMA MOÇA!: Uma mulher desesperada pede urgentemente para sair do avião então outros passageiros começam a tentar acalmar a moça, mas não de uma maneira agradável.Apertem os Cintos... o Piloto Sumiu! (1980) Filme/Clip - Fique ...

Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=AVtMO-Eqnkc>

Você não é o carinha Carinha Abdul Jabbar?: Um garotinho entra na cabine dos pilotos e reconhece um dos pilotos como um famoso jogador de basquete, o homem nega, mas o garotinho começa a encher o piloto.

Foto de Peter Graves - Apertem os Cintos... O Piloto Sumiu : Foto ...

Disponível em: <http://www.adorocinema.com/personalidades/personalidade-33375/fotos/detalhe/?cmediafile=18890442>

 

 

  1. Central do Brasil (1998).

Gênero: Drama

Ano de lançamento: 1998

Direção: Walter Salles

Sinopse: Dora (Fernanda Montenegro) trabalha escrevendo cartas para analfabetos na estação Central do Brasil, no centro da cidade do Rio de Janeiro. Ainda que a escrivã não envie todas as cartas que escreve – as cartas que considera inúteis ou fantasiosas demais -, ela decide ajudar um menino (Vinícius de Oliveira), após sua mãe ser atropelada, a tentar encontrar o pai que nunca conheceu, no interior do Nordeste.

Central do Brasil (filme) – Wikipédia, a enciclopédia livre

Disponivel em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Central_do_Brasil_(filme)>

 

Opinião: Central do Brasil é filme humilde sem grandes pretensões, que conta do Brasil como Brasil, na trama nós somos apresentados a realidade do brasileiro humilde, trabalhador em grande parte não alfabetizada. Como o Próprio título do filme sugere Central do Brasil reúne todas as características do povo brasileiro e uma característica eu gostaria de dar ênfase que a representada na figura do menino Josué (Vinicius de Oliveira) acima de tudo somos um país órfã sem pai nem mãe.

 

CENAS MAIS MARCANTES

ESCREVENDO CARTAS: No inicio do filme vemos Dora (Fernanda Monte Negro) escrevendo várias Cartas para pessoas analfabetas em uma estação de Ônibus. Essa cena serve para mostrar diversas realidades do nosso País.

Central do Brasil | 1998 | Filme Nacional - YouTube

 

 

Acompanhe essas e outras notícias em Imaranhao.com. Siga, também o Imaranhao no TwitterInstagram e curta nossa página no Facebookse inscreva no nosso canal no Youtube. Entre em contato com nossa redação pelo WhatsApp ou ligue (98) 98400-0977.

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: