Comerciantes reclamam de força política sobre não fechamento em relação a estabelecimentos em Barreirinhas

Chegou à nossa redação, denuncias que comerciantes do setor de bares e conveniências de Barreirinhas que o fechamento desses segmentos devido ao Decreto Estadual que segue recomendação do Ministério da Saúde para prevenção contra o coronavírus tem sido de forma no mínimo duvidosa.

Segundo uma denúncia, uma conveniência no centro da cidade foi fechado, enquanto um outro estabelecimento do lado continua funcionando.

O denunciante diz que o estabelecimento do lado que tem a mesma linha de venda do seu, não foi fechado, devido que seu dono é ligado a um político bastante influente na cidade.

O decreto do Governo do Estado e Ministério da Saúde prevê que os serviços essenciais funcione nos municípios. Porém, em Barreirinhas, o que mais se vê é comércios do setor varejista em pleno funcionamento.

Ainda se pode perceber que nem todos esses comércios seguem as recomendações de prevenções, como, distanciamento de um metro entre pessoas, seus profissionais sem qualquer cuidado, usando objetos como máscaras luvas entre outros.

Estamos tentando contato com a Secretaria de Saúde do Município, porém  até o momento sem respostas.

Em nota a PM em Barreirinhas, através do Capitão Ramon Garcês disse o seguinte.

Veja a Nota:

A Polícia Militar está dando cumprimento às determinações legais previstas nos decretos, mas infelizmente muitos integrantes da comunidade barreirinhense, não estão colaborando com as medidas de prevenção contra o coronavírus, e essa postura está nos acarretando uma sobrecarga de trabalho, pois estamos fazendo inúmeras intervenções, em ocorrências policiais dessa natureza. Mas nosso trabalho está sendo desenvolvido, diuturnamente, de forma imparcial e impessoal, com seriedade e comprometimento, pra preservar a ordem pública na cidade, conforme nossas atribuições constitucionais.

 

Espaço aberto para pronunciamento aos citados.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: