Dia Internacional da Mulher tem marchas em diversas cidades do país

Manifestantes participam do ato pelo Dia Internacional da Mulher na Avenida Paulista

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, diversas cidades do país tiveram as tradicionais marchas pedindo igualdade de direitos entre homens e mulheres.

Na capital federal, a marcha começou no Parque da Cidade, às 9h, e seguiu pelo eixo Monumental (uma das principais vias do centro de Brasília) até a Torre de TV. A chuva, que foi frequente na capital nos últimos dias, deu uma trégua neste domingo para as mais de 5 mil pessoas, de acordo com entidades organizadoras do evento. A Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal não divulgou estimativa de público.

A marcha foi organizada por um grupo de entidades da sociedade civil e partidos políticos. A manifestação fez críticas à violência contra a mulher, ao machismo e ao racismo. Também houve espaço para a abordagem invasiva e, muitas vezes, agressiva dos homens às mulheres, tanto na rua como dentro de casa, através de cartazes e camisas com a frase “não é não”.

São Paulo

Nem mesmo a forte chuva na capital paulista, no meio da tarde, espantou a concentração de mulheres, no ato chamado 8M, pelo Dia Internacional da Mulher. As paulistanas foram às ruas contra o feminicídio e contra a aprovação das reformas da previdência estadual e federal.

Elas se concentraram no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista, e entoaram músicas de protesto como “Nenhuma mulher a menos, não à impunidade”. A previsão é de que elas caminhem pela Avenida Paulista, descendo a Rua Augusta até chegar à Praça Roosevelt, no centro da capital.

Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro, o ato pelos direitos das mulheres, está programado para amanhã (9), na Candelária, região central da capital fluminense. A concentração será às 17h. O ato é pela vida de todas as mulheres, por democracia, contra a retirada de direitos, Uma das organizações à frente da marcha é o Movimento Mulheres em Luta do Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: