Dias Toffoli é eleito para presidir 1ª turma do STF

O ministro Dias Toffoli foi eleito nesta 3ª feira (1º.dez.2020) presidente da 1ª Turma do STF (Supremo Tribunal Federal).

© Rosinei Coutinho/STF Barroso seria o novo presidente da 1ª Turma, não fosse o fato de Toffoli ter regressado ao colegiado, tornando-se o membro mais antigo que não exerceu a função

A escolha foi feita por aclamação. O Regimento da Corte determina que o presidente da Turma será sempre o membro mais antigo, que nunca tenha exercido o cargo. É proibida a recondução, até que todos os seus integrantes hajam exercido a presidência.

Durante a eleição, o ministro Roberto Barroso brincou com a situação. Em seu votou disse: “Eu acho que fui vítima de um golpe”. O magistrado fez a piada porque seria o próximo presidente, não fosse o retorno de Toffoli à Turma, com o fim de seu mandato como presidente do Supremo.

Como Rosa Weber é a atual presidente, e como Roberto Barroso, Marco Aurélio e Alexandre de Moraes já estiveram na função, a tarefa ficou com Toffoli.

O ministro tomará posse em fevereiro de 2021. Ficará no cargo por 1 ano. Caberá a ele decidir quais serão as pautas de julgamento.

 

Acompanhe essas e outras notícias em Imaranhao.com.

Siga, também o Imaranhao no Twitter, Instagram e curta nossa página no Facebook,

inscreva-se no nosso canal no Youtube.

Entre em contato com nossa redação pelo WhatsApp ou ligue (98) 985706368

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: