fbpx

Dólar passa de R$ 5,78 com anulação dos processos de Lula; Ibovespa despenca

dólar disparou nesta segunda-feira, 8, momentos depois de o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), anular todos os processos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Lava Jato de Curitiba, o que devolve ao petista os direitos políticos e o deixa elegível novamente. Pouco antes das 16h, a moeda bateu pico de R$ 5,784, e momentos depois baixou para R$ 5,770, com avanço de 1,53%. Na mínima, a divisa não passou de R$ 5,706. A decisão do ministro também impactou o mercado acionário, e o Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores brasileira, chegou aos 111 mil pontos para apresentar leve recuperação e manter os 112 mil pontos, com queda de 2,59%.

Fachin anulou todas as condenações do ex-presidente pela Justiça Federal no Paraná relacionadas às investigações da Operação Lava Jato. Fachin também determinou que os autos sejam remetidos à Justiça do Distrito Federal. Em sua decisão monocrática, Fachin, relator da Lava Jato no STF, entendeu que a 13ª Vara Federal não é competente para julgar e processar o petista. Na prática, estão anuladas as condenações dos casos do tríplex do Guarujá, do sítio em Atibaia, no interior de São Paulo, e do Instituto Lula. Em sua decisão, Fachin também declarou a perda de objeto de dez habeas corpus impetrados pela defesa de Lula que questionavam a conduta da Justiça, entre elas a suspeição do ex-juiz federal Sergio Moro. O pedido agora contemplado por Fachin foi apresentado no dia 3 de novembro de 2020 pelos advogados Cristiano Zanin e Valeska Martins.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: