fbpx

Barreirinhas

Enfermeira lamenta falta de sinalização e presença de salva-vidas em praia de Barreirinhas após tragédia por afogamento

Uma enfermeira, que prestou socorro a um jovem que perdeu a vida, após um  afogamento  na praia do Caburé, em Barreirinhas, expressou profunda tristeza e indignação com a falta de medidas de segurança no local.

“Sou enfermeira e prestei assistência no local, juntamente, com os outros colegas profissionais que foram incansáveis por mais de 1h reanimando esse jovem. Sinto muito, de verdade, por essa tragédia. Deus console aquela mãe, tia e todos os familiares que estavam ali, realizando um sonho. E quero deixar aqui toda a minha INDIGNAÇÃO. Em momento algum fomos alertados sobre o perigo do local e não havia nenhum tipo de sinalização e salva-vidas naquela região”, desabafou a enfermeira.

Ela destacou a falta de preparo da região, que depende do turismo, para lidar com situações de emergência como essa, ressaltando a lamentável ausência de medidas preventivas.

“É lamentável!!!! Espero que a Prefeitura de Barreirinhas e o Governo preste assistência necessária à família. E mais uma vez, sinto muito. Pelas palavras que troquei com ele durante o passeio, parecia menino muito simpático e alegre”, finalizou a enfermeira.

A ausência de sinalização e a falta de presença de salva-vidas na área turística da praia de Barreirinhas foram evidenciadas como questões cruciais que requerem atenção para garantir a segurança dos visitantes.

 

Advertisements

Deixe uma resposta