fbpx

Esporte Futebol Imaranhão Esportes

Guilherme Madruga vence o Prêmio Puskás 2023

O Prêmio Puskás de gol mais bonito da temporada está em mãos brasileiras pela terceira vez. Nesta segunda-feira, em cerimônia realizada em Londres, o volante Guilherme Madruga foi vitorioso em disputa que teve Nuno Santos, português do Sporting, e Julio Enciso, paraguaio do Brighton, como finalistas.

Madruga, agora jogador do Cuiabá, foi eleito pelo gol de bicicleta que marcou pelo Botafogo-SP em partida contra o Novorizontino pela Série B do Campeonato Brasileiro, no dia 27 de junho do ano passado .Antes dele, Neymar, em 2011, e Wendell Lira, em 2015, foram os outros brasileiros vitoriosos.

– Um dia único na minha vida. Com certeza está marcado na minha história e também na memória de todos que me acompanham desde o começo da minha trajetória – disse Madruga no palco da cerimônia.

Pai, não vão mais chamar o senhor de louco. Realmente estou virando um jogador profissional. E mãe, toda vez que a senhora chorava escondida quando eu estava longe, valeu a pena.
— Guilherme Madruga, vencedor do Prêmio Puskás 2023
Guilherme Madruga, brasileiro do Cuiabá e ex-Botafogo-SP, concorrente ao Prêmio Puskás — Foto: Adrian Dennis/AFP

Guilherme Madruga, brasileiro do Cuiabá e ex-Botafogo-SP, concorrente ao Prêmio Puskás — Foto: Adrian Dennis/AFP

– É um sonho isso que estou vivendo, estar entre meus ídolos. Eu não esperava isso. Foi totalmente diferente do que planejei, mas foi muito melhor – completou.

O prêmio de gol mais bonito é entregue em cerimônias da Fifa desde 2009, quando Cristiano Ronaldo foi vitorioso. Veja todos os vencedores:

  • 2009 – Cristiano Ronaldo (Manchester United)
  • 2010 – Hamit Altintop (Turquia)
  • 2011 – Neymar (Santos)
  • 2012 – Miroslav Stoch (Fenerbahçe)
  • 2013 – Ibrahimovic (Suécia)
  • 2014 – James Rodríguez (Colômbia)
  • 2015 – Wendell Lira (Goianésia)
  • 2016 – Mohd Faiz Subri (Penang FA)
  • 2017 – Giroud (Arsenal)
  • 2018 – Salah (Liverpool)
  • 2019 – Daniel Zsori (Debreceni)
  • 2020 – Son (Tottenham)
  • 2021 – Lamela (Tottenham)
  • 2022 – Marcin Oleksy (Warta Poznan)
  • 2023 – Guilherme Marduga (Botafogo-SP)

Como funciona o Fifa The Best

A Fifa premia o melhor jogador do mundo desde 1991, e a melhor jogadora desde 2001. O Fifa The Best, no atual formato, foi criado em 2016. A cerimônia atual também premia o melhor goleiro, a melhor goleira, o melhor técnico no futebol masculino, o melhor técnico ou a melhor técnica do futebol feminino, o gol mais bonito no Prêmio Puskás, e também Fair Play e torcedor.

Um conselho técnico da entidade define uma lista de 10 finalistas. O colégio eleitoral da premiação é formado por jornalistas, capitães, técnicos das seleções nacionais e o público, por meio de votação na internet. Cada grupo tem peso de 25% na pontuação final.

Desde 2016, a Fifa usa a temporada europeia como período de análise. No entanto, com a Copa do Mundo realizada no fim do ano em 2022, esta edição do The Best teve um ano e meio levado em consideração na votação: de agosto de 2021 a dezembro de 2022.

O prêmio de melhor jogador do mundo chegou a ser unido à Bola de Ouro, tradicional troféu entregue pela France Football, entre 2010 e 2015. Porém, as duas premiações hoje são separadas e têm modelos diferente de votação. A Bola de Ouro de 2023 já foi entregue, e o vencedor foi Lionel Messi.

Advertisements

Deixe uma resposta