Inter vai à final do Gauchão com gol de Guerrero no cinquentão Beira-Rio

Foram 251 dias de espera. Na tarde desse sábado, enfim, Paolo Guerrero pôde vestir a camisa do Internacional dentro de campo. E quis o destino que o peruano lavasse a alma debaixo de chuva em Porto Alegre com o gol que abriu a vitória colorada por 2 a 0em cima do Caxias. O triunfo não só foi especial para o centroavante, como também garantiu o Inter na grande final do Campeonato Gaúcho – havia vencido o primeiro duelo por 2 a 1 – no dia que o Beira-Rio comemorou seus primeiros 50 anos.

Na outra semifinal, Grêmio e São Luiz se enfrentam nesse domingo, depois do empate sem gols no confronto de ida. Mas, agora o Inter foca suas forças na Copa Libertadores da América. Terça tem duelo com o Palestino, de novo no Sul do país.

Ciente da vantagem que lhe garantia na final até mesmo com um revés por 1 a 0, o técnico Odair Hellmann resolveu poupar alguns titulares. A estrela do jogo, como não podia deixar de ser, respondia por Paolo Guerrero.

Disposto a esquecer a punição por doping que lhe afastou dos gramados por tanto tempo, o ex-jogador do Corinthians procurou a bola a cada investida de sua equipe no ataque.

Depois de alguns ‘quases’, o gol do alívio, da redenção, veio aos 36 minutos. Camilo cobrou escanteio da ponta direita e ninguém subiu mais alto que Guerrero. Da cabeça do jogador, a bola foi no ângulo, sem chance para o arqueiro rival.

Aos 16 minutos do segundo tempo, Guerrero foi substituído para ser imediatamente ovacionado por pouco mais de 32 mil torcedores. A festa ficou completa com o gol de Guilherme Parede, depois de furada feia de Foguinho. O contra-ataque foi mortal e colocou uma pá em cima da semifinal do Gauchão.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 2 x 0 CAXIAS

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre-RS
Data: 06 de abril (sábado)
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Lima (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Tiago Augusto Kappes Diel (RS)
Cartões amarelos: Eduardo Diniz, Juliano, Foguinho (CAX)
Público: 27.702 pagantes / 32.067 total.
Renda: R$ 1.103.490.

GOLS
Internacional:
 Paulo Guerrero, aos 36 minutos do 1T, Guilherme Parede, aos 23 minutos do 2T.

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca, Emerson Santos, Roberto e Uendel; Rithely, Nonato (Rodrigo Lindoso), Camilo e Sarrafiore (Neilton), Guilherme Parede e Paolo Guerrero (Jonatan Álvez)
Técnico: Odair Hellmann

CAXIAS: Cetin, Eduardo Diniz, Júnior Alves, Thiago Sales e Balbino, Juliano, Foguinho, Caio Cezar (Léo Jaime) e Eliomar, Bruno Alves e Júnior Juazeiro
Técnico: Pingo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: