Interditado em São Luís hospital por risco de desabamento

Pacientes do Hospital Aquiles Lisboa pedem agilidade nas obras de recuperação do prédio, que foi interditado na semana passada por risco de desabamento no telhado. O local é referência no tratamento da hanseníase e os pacientes que estavam internados foram transferidos para um anexo do hospital que funciona um asilo.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES/MA) descartou a possibilidade de fechamento da Unidade de Saúde. O ex-paciente, Flávio Lisboa, está apreensivo com a interdição do hospital. “Esse hospital é um hospital de referência. É o único para tratamento de hanseníase que existe no Maranhão. E se fecharem ele? Como vai ficar a situação dos futuros companheiros que virão para cá e não encontrar mais? Vão morrer ao desalento? Porque ainda é problemática a situação da hanseníase”, contou.

De acordo com a Secretaria de Saúde, uma equipe de engenheiros já esteve no local e os reparos devem começar em breve, mas até o momento não houve nenhuma movimentação de operários no local. Além dos problemas no Hospital Aquiles Lisboa, os pacientes reclamam das condições da Colônia Bonfim, que abriga ex-pacientes e familiares.

A Secretaria de Estado da Saúde disse que o serviço de manutenção do telhado do Hospital Aquiles Lisboa deve começar nesta quarta-feira (13). Quanto à Colônia Bonfim, a Secretaria informou que vai analisar a estrutura dos imóveis, e havendo necessidade, vai revitalizar o local.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: