Jovem é assassinado por engano, e população pede segurança em Central do Maranhão

Um assassinato de um jovem, de 21 anos, revoltou a população de Central do Maranhão. Ele foi morto por engano, segundo apontam investigações.

Thalys Costa foi assassinado com 13 disparos de arma de fogo e, de acordo com as investigações, ele não tinha envolvimento com organizações criminosas. Ele foi confundido com outra pessoa, segundo o delegado Eder Jacoboski Viegas.

Os tiros atingiram a região abdominal, lombar e as costas. Ainda conforme o delegado, os autores deste crime já foram identificados e, agora, a polícia trabalha para tentar prendê-los.

Centenas de moradores foram ao enterro, e os parentes e amigos fizeram homenagens ao jovem. A população de Central do Maranhão reclama da falta de segurança na cidade.

A reportagem procurou a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP-MA), mas não obteve resposta.

Com informações da TV Mirante

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: