fbpx

Justiça

Justiça condena Xuxa Meneghel a pagar multa milionária por plágio

Xuxa Meneghel, de 60 anos, está enfrentando uma batalha judicial que se arrasta há 20 anos. E que a empresa Xuxa Promoções e Produções, da apresentadora, foi condenada a pagar mais de R$ 40 milhões em multa por apropriação dos personagens de “A turma do Cabralzinho”. Segundo informações do Jornal ‘O Globo’, o publicitário mineiro Leonardo Soltz, alega que a empresa de Xuxa plagiou seus personagens relacionados aos 500 anos da chegada dos portugueses ao Brasil.

A decisão foi homologada pela Justiça do Rio de Janeiro e oficializada nesta quarta-feira (13). Segundo informações, o valor da indenização que Xuxa Meneghel terá que pagar, foi determinado depois da realização de uma perícia minuciosa.  O cálculo no valor de R$ 40 milhões determinado pela Justiça, levou em conta a tiragem da revista publicada, reprodução de imagens e outros ganhos com o uso das personagens.

Xuxa Meneghel é condenada

Com a determinação da Justiça, a apresentadora Xuxa Meneghel terá que pagar um valor milionário por por apropriação dos personagens. A causa estipulada em R$ 40 milhões por plagiar personagens de “A turma do Cabralzinho”, foi ganha pelos advogados de Leonardo Soltz, Ricardo Loretti, Lívia Ikeda e Antônio Ferraço, do escritório Sergio Bermudes Advogados, e também pelo escritório Weikersheimer e Castro. Contudo, ainda cabe recurso.

Segundo o publicitário mineiro que moveu a ação contra Xuxa Meneghel, em 1998, apresentou o material a uma representante da empresa da apresentadora, que teria dado uma resposta negativa sobre o projeto. No entanto, em 1999, ele disse ter sido surpreendido pela criação de personagens semelhantes pela companhia da apresentadora, que obteve lucro a partir deles. Contudo, a decisão cabe recurso, de acordo com a coluna de Ancelmo Gois, no O Globo. (EMOFF/MEIO NORTE)

 

 

 

 

Advertisements

Deixe uma resposta