fbpx

Giro

Milhares de peixes surgem mortos após lago secar em Matinhas

Em um lago localizado entre as cidades de Matinha e Viana, na Baixada Maranhense, um vídeo mostra milhares de peixes que surgiram mortos por conta da última seca, responsável por reduzir agressivamente o volume de água na região. Com a diminuição do volume, foi provocada baixa oxigenação e, assim, os peixes apareceram mortos.

No vídeo é possível ver os peixes espalhados no resto de água que sobrou no lago de Itans, criando uma espécie de “tapete de peixes”. Outros animais e moradores da região aproveitaram para pegar o que podiam para se alimentar.

Mesmo com o monitoramento das condições hidrometeorológicas realizado pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema), a região citada está atualmente enquadrada na condição de seca moderada, devido à variação para menor dos índices de chuva registrados em 2023, relacionados as manifestações do fenômeno El Niño.

Em nota enviada ao Difusora ON, a SEMA disse disponibilizar dados e informações para tomada de decisões por parte das autoridades competentes visando mitigar os impactos socioambientais, sobretudo em caso de secas ou inundações.

O Maranhão é um dos oito estados brasileiros onde a estiagem deve se prolongar até meados de janeiro, segundo previsão do Centro de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais, órgão ligado ao Governo Federal.(difusora on)

 

 

 

 

 

Advertisements

Deixe uma resposta