Prefeita França do Macaquinho dá calote no Banco do Brasil e a instituição cobra divida na justiça

O município de Santa Luzia tem como prefeita França do Macaquinho, hoje chefe do Executivo municipal que exerce a função de administrar os serviços públicos com legalidade, mas não é isso que vem acontecendo.

Após calotear uma das maiores Instituições Financeiras do Brasil, a prefeita acarretou uma dívida exorbitante aos cofres públicos.

Contudo, a instituição financeira cobrou a dívida na justiça, bloqueando o repasse que seria pagamento do funcionalismo público, o montante que a prefeita Francilene Paixão de Queiroz, a Macaquinha deve pagar é de 2 milhões 624.19 ao Banco.

Alguns meses atrás os servidores estão impedidos de em fazer emprestimos consignado, por causa da falta de pagamento da administração para o banco, gerando um certo desconforto entre os servidores.

Vale ressaltar que a Macaquinha ainda responde por processo de comprar de votos e outras denúncias sobre construções de casas do projeto Minha Casa, Minha Vida Rural no qual já identificam a gestora com um vasto currículum negativo em menos de 4 anos.

Confira a sentença expedida pelo Comarca de Santa Luzia:

0800368-82.2019.8.10.0057_18931250

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: