Prefeito monta barreiras na divisa Teresina/Timon mesmo sendo ignorado por Dino

O prefeito de Teresina, Firmino Filho, anunciou hoje (27), nas redes sociais, que determinou a instalação de barreiras sanitárias nas pontes que ligam a capital do Piauí à cidade de Timon, no Maranhão.

Segundo ele, o objetivo é fazer um controle mais efetivo de quem entra na cidade, vindo do município maranhense.

Desde a semana passada, o prefeito teresinense tem dito buscado uma conversa com o Governo do Maranhão para tratar do assunto. Segundo ele, o governador Flávio Dino (PCdoB) ignorou suas tentativas de contato.

“A partir da tarde desta segunda (27) as pontes que ligam Teresina a Timon terão barreiras sanitárias com medição de temperatura. O objetivo de fazer um controle do estado de saúde das pessoas que entram em Teresina. Há alguns dias tenho chamado atenção para o cenário no Maranhão. Até ontem, já eram mais de 2,4 mil casos confirmados, com 125 óbitos por Covid-19. Temos uma forte relação com o Estado, mas nesse atual quadro é essencial termos um controle mais efetivo de quem entra em Teresina, uma vez que precisamos lutar contra o colapso do nosso sistema de saúde”, escreveu Firmino Filho.

Num vídeo divulgado na semana passada, o gestor piauiense criticou as medidas do comunista que flexibilizaram o isolamento social no interior do Maranhão, permitindo aos prefeitos a edição de decretos locais sobre o assunto.

O prefeito de Teresina afirma que essa liberação já começa a ter impactos na saúde de Teresina, que é a referência para moradores de muitos municípios maranhenses. De acordo com Firmino Filho, já foram atendidos pelo sistema de saúde local 40 pacientes com sintomas de Covid-19, com uma morte.

“Ainda sobre o Maranhão, até ontem já tínhamos atendido 40 pacientes com sintomas de Covid-19, de várias cidades do estado. Desses, 16 foram confirmados com a doença, 19 casos foram descartados, 5 estão internados e 5 esperam resultado dos testes. Também já existe um óbito”, completou.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: