Primeiro bebê de 2021 nascido na rede estadual de saúde é uma menina

Ayla Eloá Nogueira Silva é o nome do primeiro bebê de 2021 do Maranhão. A menina nasceu 0h46, na maternidade Nossa Senhora da Penha, localizada no bairro do Anjo da Guarda e referência em acolhimento, assistência humanizada ao parto. Ayla chegou ao mundo por meio do parto normal pesando 2.720kg e medindo 46 cm.

“O parto é difícil. Na hora da dor vem o desespero, quando nasce a criança é só alegria. Assim foi 2020, a gente se desesperou muito com a pandemia, mas agora eu ganhei meu presente antecipado. Estou muito feliz, minha filha é meu presente, já que faço aniversário no próximo dia 5”, contou Júlia Nogueira dos Santos Costa, de 16 anos, natural do Rio de Janeiro e que agora reside em São Luís com a família do companheiro, no bairro da Vila Embratel.

Às 21h do dia 31 de dezembro, a mamãe chegou à maternidade com 6 cm de dilatação, foi acolhida e começou o processo de assistência ao parto por parte da equipe.

A equipe de saúde da maternidade Nossa Senhora da Penha esteve completa durante a virada do ano. Só no primeiro dia do ano, 22 mulheres receberam atendimento na unidade de saúde, entre mulheres em trabalho de parto e pós-parto.

“2020 foi um ano muito difícil e trabalhar com obstetrícia esse ano foi especial, pois cada bebê representava para nós uma esperança”, contou a Verônica dos Santos Silva, enfermeira obstétrica e supervisora de enfermagem da maternidade.

A acompanhante da Júlia foi a sogra, Edilene Silva. A dona de casa levou a nora para maternidade e ficou até o momento do nascimento da netinha, que ela não assistiu devido às normas sanitárias de proteção contra o coronavírus. Logo após o parto, o pai passou a noite com a mãe e a filha, e a avó voltou pela manhã.

“Ser avó é ser mãe novamente. Fiquei muito preocupada com minha nora, pois tem o medo, a tensão e o nervosismo próprio do momento. Tentei dar toda atenção que ela precisava até o momento que pude acompanhá-la e espero que tenha sido uma experiência boa”, contou.

Acompanhe essas e outras notícias em Imaranhao.com.

Siga, também o Imaranhao no Twitter, Instagram e curta nossa página no Facebook,

inscreva-se no nosso canal no Youtube.

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: