Primeiro dia de vacinação em São Luís causa aglomerações e traz preocupação

No primeiro dia de vacinação na capital do Maranhão, São Luís foi de postos lotados e muita aglomeração da população em busca de vacinas.

A situação preocupa as autoridades, pois o momento é de ficar em casa e evitar ao máximo sair, como modo de provença do Covid-19. A vacinação tem suas faixas etárias

O comportamento dos cidadãos ludovicenses tem sido de muito descuido e pouca portanária para o alto nível de contagio que é o do coronavírus.

Em matéria publicada ontem,22, o Imaranhao.com denunciou aglomeração nas feiras de Sao Luis (Veja)

Flagramos o Posto do Bairro de Fátima muita aglomeração e ao posto

 

O prefeito Edivaldo orientou a população que receberá a vacina que evite lotação nos postos, pois aglomerações facilitam a propagação do novo coronavírus (Covid-19).

Em sua postagem, Edivaldo destaca que esta primeira etapa da campanha terá duração de 30 dias, portanto, não há necessidade de todos correrem para os postos de vacinação nesses primeiros dias, pois haverá tempo suficiente para as pessoas do público-alvo se vacinarem com tranquilidade.

Nesta etapa devem se vacinar idosos a partir de 60 anos, crianças de 6 meses a menores de 6 anos e profissionais de saúde. Como medida para evitar ao máximo a aglomeração de pessoas, foram disponibilizadas 118 salas de vacinação distribuídas em 76 postos entre unidades de saúde, escolas e farmácias.

Para facilitar o acesso às doses pelo público-alvo, a Prefeitura disponibilizou ainda o serviço de atendimento domiciliar a pessoas com dificuldade de locomoção. O agendamento deve ser solicitado pelo número 99135-9332.

Condomínios também podem solicitar o agendamento pelo e-mail influenza2020.semus.slz@gmail.com. Desta forma, equipes de vacinação irão aos locais para imunizar as pessoas que fazem parte do público-alvo desta etapa da campanha.

 

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: