Rodoviários de empresa de ônibus cruzam os braços por falta de pagamento

A falta de pagamento aos trabalhadores de uma empresa de transporte público da capital levou rodoviários a cruzarem os braços na manhã desta segunda-feira (30).

Nenhum ônibus saiu no início desta manhã da garagem da empresa 1001 Expresso, situada na Forquilha. Motoristas e cobradores reclamam de salários atrasados.

Os trabalhadores se concentraram na porta da garagem, à espera de solução para a questão. A empresa opera com linhas dos bairros como Cohatrac, Parque Jair, Bom Jardim, Parque Vitória, Pedra Caída, Forquilha, Popular Ipase e outros.

Segundo o presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão (Sttrema), Isaías Castelo Branco, a entidade vai se reunir com o setor jurídico nas próximas horas para definir um posicionamento e apontar soluções para esta situação que ele classificou como “delicada”.

TV mIRANTE

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: