Sinsputsampan – Tutóia realiza culto ecumênico em comemoração à Carta Sindical

Aconteceu no último sábado (14), um grande culto ecumênico, promovido pelo Sindicato dos Servidores Públicos do município de Tutóia e Paulino Neves – Sinsputsampan, em comemoração à Carta Sindical.

O solene evento contou com a presença de várias personalidades dos municípios de Tutoia, Paulino Neves e Santana do Maranhão, como vereadores, empresários e autoridades religiosas. Foi um momento muito relevante para os associados do sindicato, constituindo-se um momento de agradecimento pelas conquistas do sindicato, em especial, a Carta Sindical, que diz respeito ao reconhecimento por parte do Poder Público, em conceder os devidos privilégios e formalidades ao sindicato exigidas pela Lei, tornando pública a sua existência e habilitando-as para a prática de atos sindicais, tais como a representação da categoria e a negociação coletiva.


O presidente do Sinputsampan, Elivaldo Ramos agradeceu todos os ilustres vêm colaborando com as lutas do sindicato e aos que compareceram na sede, especialmente ao culto ecumênico em comemoração da Carta Sindical.

“Quero aqui agradecer, mais uma vez, a todos e todas que participaram, que colaboraram e que nos ajudam todos os dias com a continuidade deste sindicato em prestar serviços aos nossos servidores públicos de Tutóia, Paulino Neves e Santana do Maranhão”, disse Elivaldo.

Em discurso no púlpito do evento, Elivaldo Ramos agradeceu mais uma vez e falou resumidamente da trajetória do Sinputsampan e da colaboração do mesmo para o desenvolvimento dos municípios na região.


“Agradecemos às autoridades aqui presentes (vereadores, Secretários, vice-prefeita de Tutóia), ao padre Adalberto e ao pastor Melky por conduzir este culto ecumênico, aos ex-presidentes (especialmente, o primeiro, João Pequeno), à professora Jesus Rocha pela luta inicial lá nos idos de 2002/2003 (que cedeu sua casa para as primeiras reuniões), aos sócios fundadores, aos nossos advogados Dr. Carlos Alberto, ao Dr. Ed Di Jesus por nos acompanhar em Brasília e, especialmente, a Walkimar Neto (autor da ação da Carta Sindical) e a FETRAM, nossa Federação na pessoa de Mauricio Mendes, e, aos colaboradores que ajudaram na realização deste evento, à professora Sara e, claro, a todos vocês.

E, claro, agradecer a cada um sócio, sócia e membro da diretoria pelas contribuições diárias ao longo destes anos na construção deste sindicato que se tornou sólido.


Agradecer!
Porque rememoro com muita lucidez minha querida companheira Celiane Tajra quando dissemos lá em 2012, em campanha sindical, que tínhamos duas metas a serem perseguidas: uma sede própria e a carta sindical. Pois bem, a sede de Tutóia conquistamos ainda em 2016, a carta sindical em 2019. E, oportunamente, digo aqui que a sede de Paulino Neves está em vias de conclusão e a de Santana integra a nossa vontade de que possamos entregá-la àquele município antes de findar o nosso mandato.

Rememoro muitas coisas – boas e ruins. Mas, quero lembrar das coisas boas. Das ruins, como as perseguições, as difamações, os cortes que fizeram em nossa contribuição sindical, pois estamos sem contribuição desde janeiro deste ano, corte de minha licença sindical, cortes estes que tinham o objetivo único de fechar esta instituição, que graças a Deus e à nossa gestão responsável, não aconteceu. Destas quero esquecer.

Uma frase diz que “Deus não escolhe os capacitados, ele capacita os escolhidos”. E lá em Efésios 6:12, diz que “[…] não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade […]”.
Tenho a plena convicção de que nossa diretoria do sindicato, composta por homens e mulheres de boa índole, com quem tive a sorte de fazer a gestão desta instituição por estes longos e duros anos, que me ladeiam aqui neste momento de comemoração e de agradecimento, também tem a mesma certeza de que fizemos até aqui uma gestão pautada na responsabilidade, na prudência e o compromisso com a luta pelo direito individual e coletivo e com a verdade.


Faço a questão de nominar cada um:
De 2012 a 2016
Presidente: Elivaldo Ramos Lima; Vice-Presidente: Celiane Pereira Tajra; 1° Tesoureiro: Francieudes Oliveira de Araújo; 2° Tesoureiro: Francisca das Chagas Silva de Lima; Secretário Geral: Jefferson Rocha do Carmo; Coordenadores de Comunicação: Paulo Rogério do Vale Sousa, Denilton do Nascimento Veloso; Coordenadores de Política Social: Lucilda de Oliveira Carvalho, Clemilson Araújo Ramos; Assessoria de Assuntos Jurídicos: Ivan Lima de Sousa, Maria Oneide Gomes da Silva; Delegados Representantes de Santana e Paulino Neves: Manoel Lázaro Xavier Costa de Lima, Ricardo Ramos da Silva; Suplentes: Eduardo do Carmo Santos, Maria de Jesus Pereira Rocha; Do Conselho Fiscal: Titulares: Abdiel Batista Vieira, Maria de Nazaré Sousa, Neusa Maria de Sousa Vieira; Suplentes: Joselia Maria de Araújo Silva, Tomires Rocha Araújo, e, João Evangelista Alves Silva.
Atual Diretoria, de 2016 a 2020:
Presidente: Elivaldo Ramos Lima; Vice-presidente: Abdiel Batista Vieira; Secretária(o): Celiane Pereira Tajra; 1º Tesoureiro(a): Francieudes de Oliveira Araujo; 2º Tesoureiro(a): Francisca das Chagas Silva de Lima; Coordenadores de Comunicação: Clemilson Araújo Ramos e Kenedy Roberto Pereira da Silva; Coordenadores de Política Social: Maria Vanuzia Assunção de Oliveira e Bernardo Oliveira Araújo; Assessoria de Assuntos Jurídicos: Sara do Carmo Soares Rocha e Tomires Rocha Araújo; Delegados de Paulino Neves: Manoel Lázaro Xavier Costa De Lima e Antonio Jose de Sousa Silva; Delegados Santana do Maranhão: Araeles Araujo Pessoa e Franciane De Melo Cruz; Conselho Fiscal Titulares: Ricardo Ramos Da Silva e Marcos Antonio Santos Silva; Neusa Maria De Sousa Vieira; Suplentes: Josélia Maria de Araújo, Valdinete Sousa Soares e Sonia Maria Sousa Leonardo.

Nosso mandato finda em 20 de outubro de 2020, mas carrego a esperança e a certeza de que o próximo dará continuidade ao que a duras penas conquistamos durante estes anos. É preciso ter esperança em dias melhores não somente no sindicato, mas na gestão dos municípios.

“Vencedores não dão desculpas.” (Harvey Specter). Nós podemos nos considerar vencedores, pois não ficamos inertes diante das dificuldades, especialmente em Tutóia, mesmo com tantas perseguições contra os servidores por parte desta gestão temerosa que ora administra o município.
Um provérbio africano para nós tem muito sentido “A União do rebanho obriga o leão a deitar-se com fome”.

E hoje estamos confirmando o que proferiu Bezerra de Menezes “Solidários, seremos união. Separados uns dos outros seremos pontos de vista. Juntos, alcançaremos a realização de nossos propósitos”, e esta carta sindical, representa o resultado de todos nós juntos. Pois, “o mal só vence, quando os bons não fazem nada” (Sun Tzu).

Para finalizar, não podemos deixar de agradecer ao nosso Deus a quem dedicamos fé e oramos constantemente, e cito um trecho de uma música do Padre Fábio de Melo: “Tudo é do Pai, toda honra e toda Glória, É dele a Vitória alcançada em nossas vidas”.
E, como não posso esquecer, o sindicato dito por eles como “cara de pau”, agora tem carta sindical!!!
Muito obrigado a todos!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: