fbpx

Giro

Transexual abraçada por Drauzio é presa na saidinha de Natal

A transexual Suzi Oliveira, que ficou conhecida após ganhar um abraço de Drauzio Varella em rede nacional, foi presa neste domingo (24) durante a chamada “saidinha de Natal”. De acordo com informações da revista Oeste junto a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP), a detenta descumpriu as regras do benefício.

A regra quebrada por Suzi foi a de permanecer em sua cidade de origem, Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo. A detenta foi presa no centro da capital paulista e reconduzida por agentes ao Presídio de Guarulhos, onde cumpre pena desde 2010.

Desde a última sexta-feira (22), a Polícia Militar já reconduziu pelo menos 90 criminosos aos presídios.

QUEM É SUZI OLIVEIRA

Suzi, cujo nome de batismo é Rafael Tadeu Oliveira, foi presa por estuprar e estrangular Fábio dos Santos Lemos, de 9 anos, em maio de 2010. O corpo do menino foi deixado para apodrecer em uma sala. Suzi forçou o menor a fazer sexo oral e anal e, dois dias depois, largou o corpo próximo à casa da família e os avisou sobre os restos mortais da criança.

De acordo com a uma tia, Suzi também abusou de uma criança de 3 anos e tentou estuprar o próprio sobrinho de 5. Em outra ocasião, estuprou uma criança ao invadir sua casa para roubar.

Suzi apareceu no programa Fantástico em março de 2020 durante uma reportagem sobre transsexuais nos presídios brasileiros. Na época, seu depoimento chamou atenção após contar que não recebia visitas há oito anos, e trocar um abraço com Drauzio Varella ao fim da matéria.(pleno.news)

 

 

 

 

 

Advertisements

Deixe uma resposta