Van Dijk, Alisson, Messi e De Jong eleitos os melhores da Europa

MONACO, MONACO - AUGUST 29: (L-R) Frenkie de Jong of FC Barcelona, Alisson Becker of Liverpool, Virgil van Dijk of Liverpool, UEFA President, Aleksander Čeferin and Lionel Messi of FC Barcelona pose for a photo during the UEFA Champions League Draw, part of the UEFA European Club Football Season Kick-Off 2019/2020 at Salle des Princes, Grimaldi Forum on August 29, 2019 in Monaco, Monaco. (Photo by Valerio Pennicino - UEFA/UEFA via Getty Images)

O zagueiro do Liverpool que conquistou o título da Liga dos Campeões neste ano, o holandês Van Dijk foi eleito pela Uefa nesta quinta-feira (29/08/2019), em cerimônia realizada em Montecarlo, o melhor jogador da Europa na temporada 2018/2019. Ele superou o português Cristiano Ronaldo, da Juventus, e Lionel Messi, do Barcelona, outros dois finalistas da principal premiação do evento. O argentino, porém, teve como “consolo” o fato de que foi escolhido o melhor atacante.

O brasileiro Alisson, do Liverpool, também triunfou ao ser eleito o melhor goleiro deste último ciclo do futebol do Velho Continente. Ele faturou o prêmio depois de ter brilhado pelo clube inglês na campanha do título da Liga dos Campeões. Na competição, ele teve grandes atuações principalmente na decisão diante do Tottenham, em Madri, e no confronto de volta das semifinais com o Barcelona, na Inglaterra, onde o seu time conquistou uma histórica goleada por 4 a 0 para avançar à luta pela taça – no jogo de ida, na Espanha, a equipe catalã havia vencido por 3 a 0.

Ao receber a honraria, o goleiro titular da seleção brasileira admitiu que esperava conquistá-la e destacou que realizou um sonho ao alcançá-la, assim como ao se sagrar campeão europeu. Ele foi mais votado do que o francês Llorris, do Tottenham, e do que o alemão Ter Stegen, do Barcelona, outros dois finalistas desta disputa ao prêmio de melhor jogador da sua posição.

“Sonhava (em ganhar esta premiação), com certeza, nós brasileiros acompanhamos muito a Champions League. E toda criança o primeiro presente que se recebe é uma bola de futebol. Com a bola, junto vêm os sonhos. Para mim sempre foi um objetivo vir para a Europa e disputar a Champions League. E hoje é um sonho receber esse prêmio, agradeço à família, aos companheiros. Espero que venha mais pela frente”, ressaltou Alisson.

O troféu de melhor defensor da temporada 2018/2019, em disputa que também incluiu laterais como concorrentes, foi conquistado também por Virgil van Dijk, o grande nome desta edição da premiação. Ele levou a melhor sobre o seu compatriota Matthijs de Ligt, do Ajax e agora jogador da Juventus, e o inglês Trent Alexander-Arnold, seu companheiro de Liverpool, que foram os outros dois finalistas desta disputa.

E a honraria concedida ao melhor meio-campista foi faturada por outro jogador da Holanda, Frenkie de Jong, do Ajax, que na temporada passada surpreendeu ao eliminar Real Madrid e depois a Juventus para avançar às semifinais da Liga dos Campeões. O holandês acabou recebendo mais votos do que o dinamarquês Christian Eriksen, do Tottenham, e do que o inglês Jordan Henderson, do Liverpool, outros dois concorrentes que avançaram à fase final da premiação deste setor do campo.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: