“Vaquinha” on-line arrecada mais de R$ 18 mil para menino que vende geladinho

A mobilização para ajudar o menino Adão, de 14 anos, que foi humilhado enquanto vendia geladinho para ajudar a família, já arrecadou 18.775, por meio do site Vakinha.com. A meta da campanha era arrecadar R$ 5 mil. Além dessa campanha, policiais militares arrecadaram mais de R$ 8 mil em outra mobilização.

Morador da cidade de Grajaú, o garoto de família pobre viu sua vida mudar depois do episódio registrado em vídeo, que viralizou nas redes sociais. É que o vídeo comoveu pessoas famosas e anônimas de todo o país, que se sensibilizaram e fizeram a campanha.

Adão do geladinho, como ficou conhecido, recebeu apoio do palestrante Rick Chesther, que comprometeu em realizar uma palestra na cidade, onde irá doar toda a renda arrecada para a família de Adão, e da digital influencer do Ceará, Thayse Teixeira, que anunciou em sua conta oficial no Instagram que irá comprar uma sorveteria para o menino.

Além disso, várias lojas locais fizeram doações ao garoto. Até agora, Adão já ganhou móveis, bicicleta, bolsa de estudo e tratamento dentário. Tudo é compartilhado em página no Instagram, que foi criada recentemente, e já conta com mais de 293 mil seguidores. Suas postagens recebem milhares de curtidas além de diversos comentários de apoio.

Imirante

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: