fbpx

Veja as empresas que tiveram mais reclamações do consumidor no Maranhão em 2020

Nessa segunda-feira (15), em que se comemorou o Dia Mundial do Consumidor, o Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon-MA) divulgou o ranking das dez empresas mais reclamadas em 2020 no Maranhão.

Segundo o órgão, estão no topo da lista de reclamações as fornecedoras de serviços Oi Móvel, Oi Fixo e BRK Ambiental.

Além de registrar a totalidade das reclamações formalizadas e fundamentadas ao órgão, a lista também aponta a quantidade de demandas atendidas e resolvidas pelas empresas.

“Esse ranking é uma previsão do Código de Defesa do Consumidor, e nos permite acompanhar o desempenho dos fornecedores no atendimento aos seus clientes. O ranking é também mais uma ferramenta de escolha ao consumidor, que fica sabendo como é o tratamento daquela empresa às demandas e reclamações recebidas”, explicou a presidente do Procon-MA, Karen Barros.

No topo da lista, a Oi Móvel tem 78 reclamações registradas, das quais 67 foram atendidas e 11 delas não resolvidas. Em segundo lugar, a OI Fixo tem um total de 67 reclamações recebidas, sendo 58 delas atendidas e 9 não atendidas. A BRK Ambiental, logo em terceiro, tem um total de 61 reclamações registradas, das quais 23 não foram atendidas e 38 delas resolvidas.

Além dessas, também constam na lista: a Faculdade Pitágoras (4º), Equatorial Energia (5º), Motorola (6º), Mateus Supermercados (7°), Samsung (8°), TIM (9º) e Caema (10º).

No comparativo com 2019, saíram da lista das 10 mais reclamadas a Claro, SKY e Banco do Brasil. Em contrapartida, passaram a compor o grupo a Motorola, Mateus Supermercados e Samsung.

A divulgação do ranking é prevista no artigo 44 do Código de Defesa do Consumidor, o qual determina que os órgãos públicos de defesa do consumidor devem manter cadastros atualizados de reclamações fundamentadas contra fornecedores de produtos e serviços.

Clique aqui e veja ranking detalhado.


Acompanhe essas e outras notícias em Imaranhao.com

Siga, também o Imaranhao no Twitter, Instagram

Curta nossa página no Facebook

Inscreva-se no nosso canal no Youtube


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: