Veja como foi o Encerramento do 11º Lençóis Jazz & Blues Festival em Barreirinhas

A 11ª edição do Lençóis Jazz & Blues Festival Circuito Barreirinhas foi algo inesquecível para aqueles que prestigiaram todo o evento. Foram três noites de muito Jazz, Blues, Rock e dentre outros estilos semelhantes produzidos por músicos locais e nacionais reconhecidos mundialmente como grandes nomes da música.

O festival, como sempre, em mais uma edição, apresentou musicalidade, formação de plateia, intercâmbio cultural, poesia, sentimento e muita diversão.
Inicialmente, o festival era destinado apenas a um público fechado, quando começou lá em 2009, porém, desde 2011, começou a ser aberto ao público através do apoio da lei de incentivo à cultura. Desde então, todo ano o festival é realizado no Maranhão, e é dividido em dois Circuitos, São Luís e Barreirinhas.

Em Barreirinhas, o festival já é tido como um dos eventos musicais mais espetaculares e apreciado do Nordeste e já tem marca registrada no calendário cultural da região dos Lençóis.
O festival teve o encerramento no domingo (25), lotou a Av. Beira rio, e contou com uma programação recheada de muitas atrações.

Para abrilhantar mais o evento e mostrar que Barreirinhas também tem músicos talentosos, o grupo musical Z18 abriu o festival, explorando o melhor da Música Popular Brasileira, imponto seus sentimentos e arranjos diferenciados.

Em seguida, o cantor e violonista Clayber Rocha mostrou seus melhores acordes que passeavam nos diversos estilos da música popular. Ao lado do guitarrista barreirinhense Breno Alves, o músico ludovicense apresentou seu poderoso repertório, impondo toda sua característica diferenciada.

Logo após, pela primeira vez no Lençóis Jazz e Blues Festival, Tutuca Viana e os filhos Rômulo e Leonardo se apresentaram em um tributo a João Gilberto. Além da homenagem ao ícone da Bossa Nova, eles mostraram ao público canções autorais em um show que foi marcado pela conexão musical e afetiva.

A banda de São Luís Liver Paul e Eduardo Pinheiro trouxeram ao palco do festival o melhor do rock, através de canções que marcaram a carreira da famosa banda inglesa, The Beatles.

“A gente está sem palavra. É a primeira vez que a gente participa do festival e confessamos que estávamos nervosos e com medo da reação do pessoal, mas foi uma experiência muito boa… E a gente está muito feliz e já estamos afim de voltar de novo ano que vem”, disseram os músicos da Banda Liver Paul e Eduardo Pinheiro.

A última atração da noite ficou por conta de Wilson Zara, que, em mais uma vez, na sua apresentação cover, trouxe o melhor do saudoso Raul Seixas. Há 27 anos o músico, cantor e compositor realiza anualmente seu show em alusão à obra atemporal de Raul Seixas.

“Já estive aqui algumas vezes, mas foi a primeira vez nesse festival e foi uma honra”, disse em entrevista o cantor cover Wilson Zara.

O 11° Lençóis Jazz & Blues Festival 2019 Circuito Barreirinhas foi um evento patrocinado pelo Grupo Equatorial e Energia Cemar, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, com os apoios da Comtur (Conselho Municipal de Turismo), Prefeitura de Barreirinhas, Tory Brindes, Clara comunicação e Sesc. A produção do evento é uma realização de Tutuca Viana Produções.

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: