fbpx

Giro

Vereador de Morros tem mandato cassado após registrar B.O contra acusações falsas do prefeito Paraíba

Na manhã deste sábado, 30 de dezembro, o ex-presidente da Câmara de Morros/MA, Fábio Lisboa, teve seu mandato cassado durante uma sessão extraordinária. O parlamentar, conhecido por sua posição de oposição ao governo do prefeito Paraíba, foi alvo de denúncia por quebra de decoro parlamentar feita por Criciane Gomes, ex-assessora pessoal e atual secretária de finanças.

A denúncia, datada em 28 de setembro de 2023, baseou-se em um vídeo onde Fábio Lisboa deixava uma delegacia após registrar um Boletim de Ocorrência contra o prefeito Paraíba. Esse vídeo foi a peça central na acusação de quebra de decoro, pois, segundo a denunciante, o vereador teria chamado o prefeito de mentiroso e constantemente denegrido sua conduta, o que Lisboa nega veementemente.

A situação se desenrolou a partir de acusações do prefeito Paraíba durante uma sessão na Câmara em setembro, afirmando que Fábio Lisboa devia a ele a quantia de 25 mil reais, não tendo pago até o momento. Em sua defesa, o vereador reiterou não ter feito tais acusações contra o prefeito e alegou ser vítima de calúnias e difamações por parte da administração municipal.

A votação pela cassação resultou em 9 votos a favor e 2 votos contra, culminando na perda do mandato do vereador.

Em sua manifestação durante a sessão, Fábio Lisboa expressou sua tristeza ao perceber que as vontades do prefeito parecem ter mais peso do que a legítima defesa de um parlamentar. Ele enfatizou que jamais se curvará diante de um grupo político que se autodenomina dono da cidade.

Além disso, criticou a atual presidência da Câmara, acusando-a de servir aos interesses do prefeito Paraíba em vez de representar verdadeiramente os interesses do povo, destacando que o compromisso fundamental de um parlamentar é com a população e seus anseios.

 

 

 

Advertisements

Deixe uma resposta