fbpx

Paulino Neves Política

Vereador Izaque Carvalho faz denúncias de irregularidades na Câmara Municipal de Paulino Neves

Nesta última segunda-feira, 16, o vereador Izaque Carvalho abalou a rotina da Câmara Municipal de Paulino Neves ao apresentar uma série de denúncias de possíveis irregularidades que abalam a gestão da instituição. As denúncias foram encaminhadas à comissão processante, onde o vereador Coronel Jorge Bernardo se defendeu, afirmando que a responsabilidade recai sobre o presidente da Casa Legislativa, vereador Manoelzinho.

Abaixo detalhamos as denúncias apresentadas pelo vereador Izaque, que também é investigado ´por uma comissão.

Aumento de salários sem justificativa

Uma das principais denúncias envolve o pagamento de salários com um aumento de 100% a vários funcionários, sem justificativa aparente, considerando que a Câmara Municipal opera apenas no período da manhã. A lista de funcionários e salários alvo da denúncia inclui:

Assessor jurídico – R$ 6.000
Tesoureiro – R$ 4.000
Assessor contábil – R$ 4.000
Assessor de serviços – R$ 5.000
Controladora – R$ 6.000
Secretaria executiva – R$ 4.000

Licitações questionáveis

O vereador Izaque Carvalho também questionou em seus documentos apresentados, licitações realizadas pela Câmara Municipal, no período de gestão do vereador Manoelzinho , especificamente uma dispensa de licitação no valor de R$ 16.050,00 para manutenção de ar-condicionado, realizada em 24 de fevereiro de 2023, através da empresa SANTOS ROCHA SERVIÇOS EIRELI LTDA. Ele alega que a Câmara possui apenas 9 unidades de ar-condicionado, no entanto, foram pagas 16 desinstalações, 12 instalações, 20 manutenções preventivas e 20 manutenções corretivas em apenas 3 meses. O pagamento total de R$ 17.803,00 parcelado em 3X, superando o valor contratado.

Irregularidades em serviços de remoção e aplicação de forros

O terceiro ponto das denúncias envolve serviços de remoção e aplicação de forros na sede da Câmara Municipal, no valor de R$ 29.228,76, dos quais foram pagos à empresa SANTOS ROCHA SERVIÇOS LTDA apenas R$ 15.504,76. Izaque Carvalho alega que isso caracteriza um possível crime contra o erário público.

Assessoria jurídica e ouvidoria questionáveis

Outra denúncia se concentra na contratação de serviços de assessoria jurídica, consultoria e ouvidoria através da empresa FRANCISCO CARNEIRO PACHECO NETO SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA, no valor de R$ 54.000,00, com um pagamento já efetuado de R$ 36.000,00. O vereador denunciante afirma que não há evidências da existência de um departamento de ouvidoria na Câmara Municipal, o que caracterizaria improbidade administrativa.

Nepotismo na locação de imóvel

Por fim, Izaque Carvalho denuncia a locação de um imóvel para instalação e uso de arquivo da Câmara Municipal, no valor de R$ 1.200 por mês, sendo que a locadora, segundo Izaque, é cunhada do vereador Manoelzinho, atual presidente da Casa Legislativa, o que caracteriza nepotismo.

Essas denúncias lançam dúvidas sérias sobre a gestão da Câmara Municipal de Paulino Neves e exigirão investigações rigorosas por parte da comissão processante e das autoridades competentes.

O vereador Izaque Carvalho, que também está sendo investigado pela comissão de apuração de irregularidades durante sua gestão à frente da Câmara Municipal de Paulino Neves no biênio 2020 e 2022, foi recentemente afastado por mais de um mês. Agora, ele levanta denúncias de irregularidades na gestão do vereador Manoelzinho e solicita o afastamento da mesa diretora composta pelo presidente Manoelzinho, vice-presidente Darlison e secretário Elton Caldas, a fim de permitir a realização das investigações.

Nos bastidores, há comentários de que essa ação de Carvalho pode ser uma represália devido ao fato de Manoelzinho ter prontamente colocado em votação o pedido de seu afastamento. Enquanto essa disputa de acusações persiste na Câmara Municipal de Paulino Neves, a população sofre com a falta de representatividade, e a cada dia a casa legislativa e o poder legislativo perdem credibilidade aos olhos da população.

 

Advertisements

Deixe uma resposta